Garrafas comestíveis

Quando todos falam de responsabilidade ambiental, destacar-se é uma tarefa árdua.  Não para a Lucozade Sports, que reuniu propósito e inovação e uma das melhores ações  de 2018. A companhia britânica de bebidas esportivas criou uma garrafa de água comestível chamada Oohos, que já foi testada na Maratona de Richmond e no Mudder Resistente de West Sussex. O recipiente é feito de algas marinhas e foi desenvolvido pela startup Skipping Rocks Lab. Segundo a revista The Economist, dos 6,3 bilhões de toneladas de resíduos plásticos produzidos desde a década de 1950, apenas 9% foram reciclados e outros 12% foram incinerados. O resto, um forte 79%, foi despejado em aterros sanitários ou, pior ainda, no ambiente natural. Já, o Oohos além de ser comestível, demora apenas seis semanas para se decompor contra 700 anos do plástico.

Leia mais (inglês): Garrafas Comestíveis

Descubra mais